fbpx

QUEREMOS SAIR DE CASA!
 
Neste momento, acho que aquilo que mais queremos é poder sair de casa com a normalidade como sempre fizemos até março de 2020…
 
Parece-me difícil de acreditar, mas já passou quase um ano desde que começamos a viver na sombra dos confinamentos e das limitações à nossa liberdade.
 
Eu posso dizer-te que neste período foram pouquíssimas as vezes que saí de casa e todas elas muito bem justificadas. Vantagens (e desvantagens de já trabalhar em casa quando isto aconteceu…).
 
Por isso, eu posso dizer que eu quero muito poder sair de casa! Mas ainda não pode ser…
 
E se nós adultos, compreendendo aquilo que se passa, temos este desejo…o que dizer das crianças??
 
Acredito que para elas seja ainda mais estranho esta limitação e por isso acredito que devemos fazer os possíveis para tentar minimizar este impacto, procurando atividades que sejam lúdicas e que lhes permitam conhecer melhor o mundo em que vivem.
 
MAS COMO PODEM ELAS COMPREENDER O MUNDO EM QUE VIVEM SE ESTÃO IMPEDIDAS DE O EXPLORAR???
 
Bom, talvez exija um pouco mais de imaginação da nossa parte, mas é possível. E para te ajudar nessa tarefa, preparei aqui uma pequena lista de sugestões para os nossos exploradores experimentarem o mundo em que vivem…mesmo sem poderem sair de casa:
 
1️⃣ Sentir uma rolha de cortiça! Ok, talvez agora não possamos ir tocar num sobreiro, mas todos temos em casa uma rolha, certo? Dá-lha para as mãos! Permite que a desfaçam, que percebam a sua composição, a sua textura, o cheiro, a temperatura. E porque não depois fazer algum trabalho artístico com ela??
 
2️⃣ Olhar pela janela! Já estamos todos fartos, não é? Mas aqui o objetivo é fazer um exercício de atenção plena e tentar captar todos aqueles pormenores que geralmente nos escapam, o que nunca vimos, o que nunca percebemos. Depois convida-os a fazer a sua interpretação da paisagem através de um desenho ou até mesmo de uma sessão fotográfica!
 
3️⃣ Fazer uma pesquisa sobre a comunidade onde vivem. Sabes quais os pássaros ou árvores que existem na tua rua/bairro? Sabes sequer quantas pessoas aí vivem? Porque não aproveitar este momento para o conhecer de uma outra forma? Podes usar ferramentas como o google maps para fazer uma visita virtual e ver coisas que ao vivo talvez não visses ou até mesmo procurar algumas estatísticas que te permitam conhecer melhor o lugar onde vives.
 
Haverá certamente muitas outras coisas que gostariam de conhecer, explorar, experimentar e que só podem mesmo fazer saindo de casa, mas enquanto isso não for possível porque não elaborar uma lista de desejos para realizar quando finalmente tivermos a nossa liberdade de volta??
 
Fica aqui a sugestão 😉
Partilha:

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *